A quantas andamos?

Daisypath Christmas tickers

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Sugestão de autora: Blue Balliet

Blue Balliet tem três livros publicados em português. São aconselhados aos alunos do terceiro ciclo. São romances curtos de misério e em parte deles existem referências culturais muito interessantes, ao nível da pintura e arquitetura, caso de «O mistério do talismã de jade» e de «O mistéri odo quadro desaparecido». Enquanto nos divertimos acompanhando os jovens detetives de cada uma das histórias, aprendemos algumas coisas novas, muito interessantes, que talvez nos levem pela arte. 
Sinopses: 
«O mistério do quadro desaparecido»

É neste livro que Calder Pillay e Petra Andalee travam conhecimento; frequentam o 6º ano na Escola da Universidade de Chicago. A sua amizade nasce, em grande medida, devido à admiração que sentem pela professora, a Sra. Hussey, cujos métodos de ensino pouco convencionais fazem com que aprender se torne uma verdadeira aventura. E é justamente numa das suas aulas, e a propósito de um trabalho sobre se a escrita seria a forma mais correcta de comunicar, que Calder e Petra descobrem um mundo repleto de estranhos acontecimentos e de misteriosas coincidências que, à primeira vista, parecem não estar relacionados. Tudo isto assume contornos mais sinistros quando um quadro de Vermeer é roubado e uma carta enigmática é enviada a três pessoas a pedir ajuda na identificação de um crime com vários séculos de existência. De um momento para o outro, Calder e Petra veem-se envolvidos neste perturbador enredo e, empenhados em descobrir toda a verdade, tornam-se autênticos detectives, colocando por vezes as suas vidas em risco.

«O mistério do talismã de jade»

Desta vez, os superdetectives Petra Andalee e Calder Pillay, do 6º ano da Escola da Universidade de Chicago, e Tommy Segovia, um antigo amigo de Calder, que regressou de uma ausência prolongada, têm um novo desafio pela frente — a resolução de um mistério que pode impedir que uma das grandes obras-primas de Frank Lloyd Wright, a Ride House, considerada um marco na história da arquitectura, seja desmantelada e distribuída por vários museus do mundo. Mas não vai ser fácil, porque aquela casa parece estar viva! Considerado O Código Da Vinci para jovens.
«A caixa dos perigos»

Livro diferente dos anteriores, com personagens diferentes. O heroi é Zoomy, um garoto com problemas de sociabilidade, vivendo cercado de rotinas para que a sua vida faça sentido. Abandonado pelo pai quando era bebé, à porta de casa dos avós, cresceu feliz numa pacata cidade do Michigan, apesar de padecer de uma doença que o deixa quase cego e de não ter muitos amigos. Um dia, quando o pai reaparece intempestivamente, traz uma misteriosa caixa, talvez roubada, para que a guardem. Nessa caixa, está um caderno de apontamentos muito antigo e valioso que Zoomy vai tentar decifrar, embarcando numa aventura que o conduzirá a inúmeras descobertas. Uma delas, uma Amiga a sério, o que vai modificar a sua vida...



Mais informações: autora,página pessoal, jogos, curiosidades.

Sem comentários: